Tempos de delicadeza

Valentino fechou ontem com chave de ouro a semana de alta-costura francesa, onde apenas algumas das marcas mais importantes do mundo apresentam suas técnicas mais refinadas e exclusivas de couture.

02

As peças desfiladas são artesanais e exclusivas, seguem um padrão rigoroso criado em Paris 1945 pra proteger um dos seus maiores patrimônios culturais, a moda.

Nesssa semana podemos avaliar os detalhes que permeiam as grandes Maisons internacionais, seus bordados mais ricos, tecidos mais nobres e aplicações mais extravagantes em peças que ganharão os red carpets, desfilarão em palácios e festas mais exclusivas do mundo.

01

E pelo que vimos o momento combina delicadeza e atitude em looks cheios de texturas e leveza, como apresentados nas passarelas da Chanel, Dior, Armani Privé e Giambattista Valli.

03

O resultado é feminino e romântico, mas potente, nada bobinho, feito pra mulheres que não tem medo de brilhar.

Para deixar essa quarta ensolarada ainda mais alto astral, pedimos a ajuda especial de Gluta, um cãozinho sorridente que anda derretendo corações por aí.

03

Adotado nas ruas da Thailandia, Gluta foi de um cãozinho maltratado à fama de cachorro mais feliz do mundo. A história é bonita que só.

Ele foi diagnosticado com câncer cervical, teve que passar por uma bateria pesada de quimioterapia, mas com o amor e dedicação de sua nova dona, a enfermeira Sorasart Wisetsin, depois de um ano e meio seus olhinhos voltaram a brilhar e ele voltou a sorrir.

02

Agradecida e emocionada em vê-lo feliz de novo, a tailandesa teve a ideia de inspirar pessoas através da nova vida de seu cão, que virou página no Face, tumblr e até livro reunindo seus momentos cheios de fofura e alegria.

01

Para passar o dia sorrindo!

A estilista Karen Walker acaba de lançar a nova sua linha de óculos escuros, e a gente espera bafafá na certa. É que a neozelandesa que arrasa na semana de moda de NY com seu estilo confortável-chique não costuma economizar criatividade nas suas campanhas que são sempre “wow”!

Por traz das lentes irreverentes dos seus óculos já passaram de crianças foférrimas e super estilosas às senhoras lindíssimas que costumam posar para o site “Advanced Style”, fotografadas pelo criador do blog Ari Cohen, que a gente já falou aqui.

02

Já os musos e musas do ano passado foram belos artesões do Quênia que também desenvolveram capas exclusivas e super artsy pra linha de óculos em trabalho social em conjunto com a ONU.

03

A eleita da vez também é linda e inusitada, trata-se de Toast, encontrada na rua em condições cuéis e adotada pela celebridade do insta Josh Ostrovsky, o @thefatjewish, a cadelinha logo foi alçada a fama virtual com seu carisma e poses engraçadas em @toastmeetsworld.

01

“Estávamos em busca de uma modelo para essa campanha que combinasse com a nossa paleta de cores caramelo e também de alguém cujo cabelo ficasse bem com três ventiladores soprando de todos os ângulos para criar um clima dos anos 1970. Toast se encaixava em todas as exigências”, disse a estilista à Style.com

E cá pra nós, os óculos também são lindos que só!

03

Dias ensolarados, céu azul, parques abertos e uma comemoração infantil pela frente? Vá de picnic!

Leve as crianças para natureza, de preferência em parques perto da lagoa, ou em áreas bem verdes e fresquinhas, para elas brincarem à vontade ao ar livre e ainda escaparem das praias cheias nesse verão.

Toalhas vichy pelo chão, belas almofadas espalhadas e flores, muitas flores do campo como a chuva de prata ou sempre-vivas coloridas que são fofas e não murcham com facilidade. Elas também entram pra enfeitar o bolo, e deixá-lo com o clima da festa.

01

Aproveite vidros e latas que estão a mão, como de leite em pó, que além de tudo não quebra e evita acidentes. Uma visita ao armarinho do bairro já rende inspiração de sobra com fitinhas e passamanarias para garantir charme e delicadeza à festinha.

02

Uma ideia boa na hora dos quitutes são lancheiras separadas com gostosuras para cada convidado, além, claro, de frutinhas, docinhos e picolés e sucos mil para hidratar a turma.

04

A Amélia Gastrô é craque em delícias para picnic, com cara de lanche da vovó e sabor que da água na boca de todas as idades.

Já o Viva Pic-nic garante a festa com decór completo com cestas, flores e comidas, cada detalhe do evento.

Para celebrar a nova idade dos pequenos, o verão, a vida!

 

O verão não é feito só de praia, os dias de sol também são ótimos para outros programas ao ar livre. No Rio, fazer trilhas virou mania. Para ver o sol nascer ou se pôr, ou simplesmente para fazer um exercício que une o útil ao agradável. Para quem ainda está se empolgando com essa ideia, separamos quatro trilhas que valem a pena conhecer.

Morro da Urca

No canto esquerdo na Praia Vermelha, a trilha tem início na pista Claudio Coutinho. É uma das mais tranquilas, embora tenha alguns pedaços mais íngremes. Em menos de 1 hora você chega ao topo do Morro da Urca. Se quiser pegar o bondinho até o Pão de Açúcar, é só comprar o ingresso na estação, antes de começar a trilha. Passeio completo!

post morro da urca

Pedra Bonita

O acesso dessa trilha sai da Estrada das Canoas, em São Conrado. É um pouco mais difícil do que o trajeto do Morro da Urca, com uma parte final mais íngreme e exposta ao sol. Mas nada que um protetor solar, boné e disposição a mais resolvam! Lá de cima, a vista para praias da Zona Sul, Barra Tijuca, Pedra da Gávea é de tirar o fôlego.

post pedra bonita

Corcovado

O ponto de partida dessa trilha é o Parque Lage, lugar que merece uma visita por si só, sempre com ótimas exposições e um café da manhã delicioso.

Saindo do casarão que fica dentro do parque até o fim da caminhada, o tempo de duração da trilha é 2h30min. É um caminho mais difícil, com trechos de rocha exposta onde você precisa do apoio das mãos.

Para compensar a subida, você pode descer de trenzinho. É pago, mas vale para descansar. Chegando ao fim da trilha, você pode comprar um ingresso para visitar o Corcovado. Não precisamos dizer que vista é incrível né?

corcovado

Pedra da Gávea

Essa é para os corajosos e que já têm alguma experiência. O trajeto é longo e pesado, de quase 3 horas. Para chegar ao final, você passa pela famosa e perigosa carrasqueira, um paredão de pedra, quase reto. Para seguir por esse trecho, você vai se apoiar nos pés e mãos. Para quem tem vontade de conhecer a trilha, mas fica com um pouco de medo, vale o auxílio de um guia.

O desafio é compensado pela cenário deslumbrante lá de cima. São 847 metros de altura, com uma vista privilegiada para toda orla carioca, além da Floresta da Tijuca. Você ainda acompanha os voos de asa delta que saem da rampa da Pedra Bonita. Vai encarar?

pedra da gavea

É pegar a garrafa d’agua e sair por aí!