Cores de Frida Kahlo, cores.

Depois de muita espera, finalmente posso comemorar: eu tenho uma máquina de costura! Entre tantas tintas e pinceis, essa era a cerejinha do bolo que faltava para dar vida à algumas ideias que pipocam aqui na cabeça. Vou fazer minhas próprias roupas? Nada disso! Ou melhor: quem sabe mais para frente. Agora, toda a empolgação de marinheira de primeira viagem está voltada para as ideias para casa!

O primeiro projeto? Almofadas coloridas com retalhos que moram aqui em casa. A inspiração? A de sempre e de muitos outros projetos: Frida Kahlo.

E como essa é a minha primeira aventura como costureira, fiz questão de dividir com vocês o passo a passo, para que ninguém duvide que dá, sim, para mudar a cara da sua casa com alguns retalhos e linha, mesmo que você não seja uma expert no assunto.



Materiais

  • 1m de tecido – não precisa ser 1m inteiro, podem ser vários pedaços de retalho que somam 1m. Vamos usar 1/2 metro para cada Almofada.
  • Linha de costura
  • Tesoura para tecido
  • Aplique de bolinhas na cor vinho
  • Folha de Transfer
  • Alfinetes

Todos os materiais acima você encontra nos principais armarinhos. Cada almofada pronta mede 45cmx22cm mas, para termos espaço para a costura das laterais, deixe aproximadamente 2cm de sobra de cada lado na hora de cortar o tecido.

A figura da Frida foi encontrada na Internet e impressa em uma folha de transfer para tecido. Basta aplicar a figura sobre o tecido e usar o calor do ferro de passar para transferir a figura para o local desejado. Simples assim. :)

Depois do enchimento resolvido, use uma agulha e linha para fechar o cantinho que ficou aberto.

Pronto! Duas almofadinhas prontas, novos ares pro banquinho de madeira e uma costureira muito orgulhosa da primeira “cria”.

E você, costura? Tô ansiosa para trocar figurinha sobre meu mais novo vício!

Com a influência do visual masculino em alta, o colete smoking tornou-se uma das peças tem-que-ter no Apto.102. Super clássica, a peça é curinga no guarda-roupa mais despojado. Aqui, apostamos no jeans skinny para contrapor o seu efeito sofisticado, mas não se limite. A mesma peça pode ser incrível aliada para a noite, quando produzida com vestidos retos e acompanhada por acessórios, como salto e bolsa carteira.

Colete smoking Ref.:04.07.0002 Jeans skinny Ref.:05.03.0026

Nos pés, é a vez dos tão comentados Loafers. O toque especial fica por conta dos acessórios imponentes. O colar gola metal é item indispensável e se trata da nossa versão da gola doll pensada para quem curte ares modernos e minimalistas.

Bolsa carteira com lenço Ref.:08.03.0053 Sapato Loafer Ref.:07.05.0014 Camiseta listrada (acervo Maria Filó)

A bolsa carteira faz crash de estampas com o lenço que a envolve e com as listras da camiseta. Podendo ser usar com ou sem o lenço, esta bolsa é item chave para quem é fiel ao clássico.

Com a influência do visual masculino em alta, o colete smoking tornou-se uma das peças tem-que-ter no Apto.102. Super clássica, a peça é curinga no guarda-roupa mais despojado. Aqui, apostamos no jeans skinny para contrapor o seu efeito sofisticado, mas não se limite. A mesma peça pode ser incrível aliada para a noite, quando produzida com vestidos retos e acompanhada por acessórios, como salto e bolsa carteira.

Colete smoking Ref.:04.07.0002 Jeans skinny Ref.:05.03.0026

Nos pés, é a vez dos tão comentados Loafers. O toque especial fica por conta dos acessórios imponentes. O colar gola metal é item indispensável e se trata da nossa versão da gola doll pensada para quem curte ares modernos e minimalistas.

Bolsa carteira com lenço Ref.:08.03.0053 Sapato Loafer Ref.:07.05.0014 Camiseta listrada (acervo Maria Filó)

A bolsa carteira faz crash de estampas com o lenço que a envolve e com as listras da camiseta. Podendo ser usar com ou sem o lenço, esta bolsa é item chave para quem é fiel ao clássico.